Não compreendo como querer o outro possa tornar-se mais forte do que querer a si próprio.? Caio Fernando Abreu
Textos


A semana tumultuada, uma dívida pendente, credor insistente e eu sem a grana, coisa mais chata não pode haver.
Pensei dar um giro pela beira-mar, encontrar os amigos, quando me lembrei da dívida e da pouca possibilidade de quitar, foi um verdadeiro balde d’agua gelada jogado corpo abaixo, desisti da saída. Tomei um café, sentei-me na varanda, passou por mim algumas palavras que meu pai usava sempre-entregue tudo nas mãos de Deus, e assim fiz. Coloquei meu pijama, e novamente na minha cama conversei com Deus sobre minha aflição, ali adormeci como se um bálsamo houvesse caído sobre mim. Ainda estava escuro, e o mar já cantaralova e exalava aquele cheirinho de maresia, o que me fez despertar antes da hora costumeira.

Fique a me interrogar o motivo de acordar tão cedo, se naquele dia era minha folga e eu poderia dormir até mais tarde. Mesmo assim levantei, tomei um café e rumei para o mar, nenhuma pessoa havia naquela praia, a maré ainda estava alta, mas já mostrava sinais de recuo, sentei-me na areia e á minha direita havia um par de sandálias havaianas e uma mini sacola de plástico em forma de pacote, não vi sinal de pegadas recentes nas imediações que eu estava.
Pus-me a olhar para aquele embrulho, tive receio que fosse algo duvidoso, e como a curiosidade é maior que tudo na vida, peguei o pacote, com cuidado fui abrindo, para minha surpresa lá estava nada mais nada menos que (dez mil reais).

Para quem está vivendo momento de desespero foi um milagre de Deus! Meu coração quase pulou da caixa torácica, peguei a grana fui correndo pra casa, liguei para meu credor e quitei minha dívida de seis mil reais. Com o coração calmo, fui ao mercado, comprei seis sextas básicas e doei na comunidade próxima da minha casa.

Então, nunca desanime nenhum problema é maior que a misericórdia de
Deus, a nossa fé jamais deverá ser abalada.

dinapoetisadapaz
Enviado por dinapoetisadapaz em 14/08/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr