Não compreendo como querer o outro possa tornar-se mais forte do que querer a si próprio.? Caio Fernando Abreu
Textos


Joguei-me no leito
Um peso no peito
O mundo no dorso
Corpo pedindo sossego
No silêncio mergulhei.

Um vento forte
Sussurrou e sumiu
Ouvido mouco
Perdeu o resmungo
Desordem do cérebro
Neuronio inerte
Verbo sem voz
Silêncio...

****
Interação da poetisa Norma  Silveira

É bom ler
 Poder entender
 O livro inteiro
 Vou correndo
 Pego o meu
 Vou ler sim
Com você hoje

Pois seremos
 Um com o livro
Que tem motivos
O leitor...os olhos
Neurônio esperto
 Luz que vem
 Do livro comigo
 
dinapoetisadapaz
Enviado por dinapoetisadapaz em 14/08/2018
Alterado em 20/08/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: inoc/flickr